https://youtu.be/QLCDymoJD_0

Os Meus Livros

https://youtu.be/Fke4JjUZDTs

posts recentes

VIOLÊNCIA DOMÉSICA

É PARA RIR...OU CHORAR!

QUANDO NASCI

HUGO SANTOS

INQUIETUDES

INSATISFAÇÃO

PORQUE FOSTE?

TEATRO EM ESPOSENDE - ESP...

TOMAR CAFÉ... ANTES QUE S...

III POEMA LUGARES DO TEMP...

arquivos

pesquisar

 
https://youtu.be/Fke4JjUZDTs
Quarta-feira, 26 de Dezembro de 2018

III POEMA LUGARES DO TEMPO

III POEMA

Estou cansada do voo insurreto

das palavras.

Deixa-me descansar um pouco, adormecer

no ilusório afago dessa névoa

que me trazes.

Busco em ti o sossego para a revolta

ardente do verde,

do cálido da memória,

da louca correria sobre o infinito das estradas,

da embriaguez com que me fazes beber

a poalha da tua maresia,

do pó e oiro com que me aconchegas

e, sobretudo, desse refluxo de música

com que embalas o meu sono

e ternamente me encaminhas para o mundo.

 

Adormeço em ti e busco-te no bálsamo

que há de fazer renascer o meu corpo.

Renasço para a história de sermos,

ainda e sempre,

a inábil glória de mutuamente

nos proclamarmos imortais.

 

In Lugares do Tempo, Bernardete Costa

 

 

 

 

 

 

publicado por Bernardete Costa às 19:00

link do post | comentar | favorito