https://youtu.be/QLCDymoJD_0

Os Meus Livros

https://youtu.be/Fke4JjUZDTs

posts recentes

ABSTENÇÃO ELEITORAL

ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS 2017

O REFLEXO NO ESPELHO

"O VELHO DA HORTA", PELA ...

MÚSICA DE TODOS OS TEMPOS...

ESPETÁCULO UAE (UNIVERSID...

PORTUGAL EM FESTA

O REI TRISTE

A VOZ DO RIO - CONTO INFA...

A POESIA NA ESCOLA DE ABA...

arquivos

pesquisar

 
https://youtu.be/Fke4JjUZDTs
Quinta-feira, 17 de Maio de 2012

SOCIEDADE GERADORA DE INUMANIDADE

 

Um jovem de 20 anos assassina o seu progenitor à facada, calculadamente, ao que parece. Este calculismo pressupõe, dirão os psis, uma psicopatia que poderia ter sido detetada atempadamente, evitando desta forma, ou não, tal desfecho dramático e horrendo.

Por exclusão desta psicose, ainda que não argumentativa que baste, pergunto: que sociedade, que família, que escola albergam em seu seio tal jovem que, num ato premeditado ao extremo, unicamente pelo corte duma mesada a que estaria habituado, a crer na comunicação social, desfere uma, duas, três…facadas no corpo do pai adormecido.

Evocando Nietzsche, “uma sociedade doente de modernidade, uma sociedade assaz doente”, geradora de comportamentos inumanos, mais, uma sociedade cega a toda a problemática que assola a juventude dos nossos dias, porque uma sociedade desregrada e permissiva, é como um barco perdido do norte, do sul do este e do oeste. À deriva, aguardando o fim iminente do naufrágio.

 

 

Bernardete Costa

publicado por Bernardete Costa às 17:46

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?