https://youtu.be/QLCDymoJD_0

Os Meus Livros

https://youtu.be/Fke4JjUZDTs

posts recentes

ABSTENÇÃO ELEITORAL

ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS 2017

O REFLEXO NO ESPELHO

"O VELHO DA HORTA", PELA ...

MÚSICA DE TODOS OS TEMPOS...

ESPETÁCULO UAE (UNIVERSID...

PORTUGAL EM FESTA

O REI TRISTE

A VOZ DO RIO - CONTO INFA...

A POESIA NA ESCOLA DE ABA...

arquivos

pesquisar

 
https://youtu.be/Fke4JjUZDTs
Terça-feira, 18 de Janeiro de 2011

REMODULAÇÕES NA C.G.D, em Esposende….

De tempos a tempos, aprecio fazer alterações em minha casa: mudar um sofá, os armários da cozinha, substituir um simples ornamento...O certo, é que necessito de ter em conta as minhas finanças, olhar  a prioridades, fazer contas de subtrair…; sem dúvida, questionar se a altura é ou não a mais propícia para gastos que até podem ser desnecessários.

Esta arengada sem interesse para o comum dos mortais, apenas para apreciar as obras que a C.G.D. (Caixa Geral de Depósitos) de Esposende está a levar a cabo. Com efeito, pelo andar da carruagem, a coisa está a ficar bem mais apelativa…ainda que, acreditando em tanto expert das economias e das finanças, eu entenda que o momento não é o mais adequado a remodelações, aliás como acontece no meu contexto caseiro.

Seguramente, o meu resmungo não passaria disso mesmo, não fora o facto de, quase concluídas as obras, persistir a mesma dificuldade de acessibilidade anterior, que impedia pessoas, eventuais clientes, com dificuldade motoras, e não só, de se dirigirem aos balcões desta instituição bancária que, todos sabem, é maioritariamente pertença do estado, ou seja de todos nós.

Seria assim tão difícil colocar uma rampa naquela escadaria?

Bernardete Costa

publicado por Bernardete Costa às 18:17

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?