https://youtu.be/QLCDymoJD_0

Os Meus Livros

https://youtu.be/Fke4JjUZDTs

posts recentes

ABSTENÇÃO ELEITORAL

ELEIÇÕES AUTÁRQUICAS 2017

O REFLEXO NO ESPELHO

"O VELHO DA HORTA", PELA ...

MÚSICA DE TODOS OS TEMPOS...

ESPETÁCULO UAE (UNIVERSID...

PORTUGAL EM FESTA

O REI TRISTE

A VOZ DO RIO - CONTO INFA...

A POESIA NA ESCOLA DE ABA...

arquivos

pesquisar

 
https://youtu.be/Fke4JjUZDTs
Sábado, 4 de Dezembro de 2010

GATERC (Grupo Teatro Amador Esposende Rio Cávado)

O  GATERC vai encerrar o segundo encontro de teatro amador, no Auditório Municipal de Esposende, no dia 10 de Dezembro, pelas 21,30h, na  sexta-feira que se avizinha,

 com A Soirée-Teatral-Dançante-Mágico-Flauto-Musical,  "AVANTE MAMOSELLES”.

Sendo que fazendo parte deste grupo (lamentavelmente só descoberto pela minha pessoa distraída, malogrado feitio meu, há cerca de um ano, serão suspeitas possíveis loas que lhe possa atribuir. O certo, o teatro é uma minha paixão antiga, ( fiz parte do Teatro Amador de Barcelos na minha adolescência) é que o GATERC  e seus dinamizadores estão de parabéns, tanto pelas diversas iniciativas culturais que têm vindo a desenvolver ao longo da sua ainda curta vida, cerca de 4 anos se não  me engano, assim como  pelos espectáculos  que entretanto decorreram e aos quais fiz questão em estar  presente.  

Esposende, uma cidade com atractivos de verão notórios, conta também com o GATERC que, neste principio de inverno gelado, enche o Auditório Municipal com um público ávido de espectáculo e, sem dúvida, da cultura que lhe está subjacente.

Porém, como um grupo amador desenvolvido pela carolice de algumas pessoas que amam a dramaturgia, sobrevive, essencialmente, de apoios financeiros, logísticos e pessoais. Estes apoios nem sempre se verificam na proporção directa dos projectos do GATERC.

Deste modo, aqui pretendo fazer o apelo à edilidade esposendense para que, mesmo em tempo da crise das crises, possa continuar a contribuir para que o teatro continue pulsante nesta terra tão carente de cultura, assim como incentivar o mecenato, que penso, por distracção com certeza, ainda é praticamente incipiente ou prima pela inexistência.

Bernardete Costa

publicado por Bernardete Costa às 23:08

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?