https://youtu.be/QLCDymoJD_0

Os Meus Livros

https://youtu.be/Fke4JjUZDTs

posts recentes

ESPETÁCULO UAE (UNIVERSID...

PORTUGAL EM FESTA

O REI TRISTE

A VOZ DO RIO - CONTO INFA...

A POESIA NA ESCOLA DE ABA...

ÓDIO

SORRISO

LUXÚRIA

BORRASCA DA GROSSA

TARDE DE MAIS

arquivos

pesquisar

 
https://youtu.be/Fke4JjUZDTs
Quinta-feira, 29 de Julho de 2010

«não existe uma dimensão sacerdotal..."

Tudo começou para o fim, 

o mundo findará na palma da mão do presente:

o teu cheiro a gardénia sport na pele,

a névoa das manhãs a gelar o meu corpo,

a erupção de lava nas feridas incuráveis do amor,

o sal liquido das pernas no charco dos lençóis,

a letra na tua boca a dizer verde quando somente

o ardor das resinas  a pender na casca da árvore…

Tudo começou para o fim,

no gesto sacerdotal em templo de Afrodite,

catedral erguida  no tempo do sémen e da semente

a gotejar morte no limite da vida, nos delírios

vestidos de terra tão antiga como o pó.

 

 

Bernardete Costa

 

 

publicado por Bernardete Costa às 19:01

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?