https://youtu.be/QLCDymoJD_0

Os Meus Livros

https://youtu.be/Fke4JjUZDTs

posts recentes

ESPETÁCULO UAE (UNIVERSID...

PORTUGAL EM FESTA

O REI TRISTE

A VOZ DO RIO - CONTO INFA...

A POESIA NA ESCOLA DE ABA...

ÓDIO

SORRISO

LUXÚRIA

BORRASCA DA GROSSA

TARDE DE MAIS

arquivos

pesquisar

 
https://youtu.be/Fke4JjUZDTs
Segunda-feira, 29 de Março de 2010

DESLUMBRAMENTO

Eu vi uma flor entontecida de tanta luz doirada,

as árvores a desabotoarem-se em brotos verdes;

voava indiscreta uma borboleta, pareceu-me atordoada

e com ela o azul dum pássaro fundia-se

na imensidão dum outro azul;

eu vi o negro e o branco da andorinha em voo circular;

como criança surpreendi o ciúme do mar namorando a praia,

na pele um sopro de riso, uma esperança de vento sul.

 

Contigo fruí a incerteza do tempo

e por entre os suspiros infantes da Natureza

mergulhei no rubor do teu corpo. Primavera!

 

Bernardete Costa

publicado por Bernardete Costa às 10:37

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?