https://youtu.be/QLCDymoJD_0

Os Meus Livros

https://youtu.be/Fke4JjUZDTs

posts recentes

ESPETÁCULO UAE (UNIVERSID...

PORTUGAL EM FESTA

O REI TRISTE

A VOZ DO RIO - CONTO INFA...

A POESIA NA ESCOLA DE ABA...

ÓDIO

SORRISO

LUXÚRIA

BORRASCA DA GROSSA

TARDE DE MAIS

arquivos

pesquisar

 
https://youtu.be/Fke4JjUZDTs
Sexta-feira, 1 de Maio de 2009

PORQUE HOJE É O DIA PRIMEIRO DE MAIO- Abril e Maio ano a ano

Era uma terra de homens sós
a enxada ensanguentando as mãos
as pedras rasgando os joelhos
as bocas cerradas e os olhos postos no chão...
e a palavra liberdade soterrada
nos sulcos da terra rasgada
 
homens dominados na sua própria terra
nessa longínqua solidão, quantos por casa
as grades de uma prisão.
 
Depois aconteceu Abril. E o incêndio
dos cravos vermelhos foi grito
no cano das espingardas. E na revolta ordeira
o povo clamou os seus direitos e
foi a enxada levada em bandeira!
 
Por fim, viram que Maio chegou
e este povo bem alto ergueu
a verdade da sua conquista! E gritou:
ensino e pão, fraternidade e igualdade!
 
E o tempo de Abril passou...e estes homens
e aquele povo que Abril herdou
reinventaram Abril e Maio ano a ano
para reivindicar a sua liberdade.
 
Mas a cobiça ressurgiu à “sombra
duma azinheira que já não sabia a idade”
e dos caules não brotaram cravos
mas espinhos que cravados na bandeira
fizeram sangrar a palavra liberdade.
 
Hoje fala-se de Abril como quem diz
dum tempo esquecido na memória.
Hoje diz-se liberdade como quem saúda
a palavra como relíquia da História.
Hoje Abril é somente mais um mês de usura
no calendário deste país.
 
Bernardete Costa
 
 
publicado por Bernardete Costa às 17:59

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
1 comentário:
De flávio lopes da silva a 1 de Maio de 2009 às 22:16
gostei do poema e da sua garra e, infelizmente o poema termina com uma grande verdade: abril é só para cumprir claendário, os que lutaram e os que morreram, passaram à história.
ainda que bem que nos trouxeste esta lembrança.
abraço de abril
flavio

Comentar post