https://youtu.be/QLCDymoJD_0

Os Meus Livros

https://youtu.be/Fke4JjUZDTs

posts recentes

ESPETÁCULO UAE (UNIVERSID...

PORTUGAL EM FESTA

O REI TRISTE

A VOZ DO RIO - CONTO INFA...

A POESIA NA ESCOLA DE ABA...

ÓDIO

SORRISO

LUXÚRIA

BORRASCA DA GROSSA

TARDE DE MAIS

arquivos

pesquisar

 
https://youtu.be/Fke4JjUZDTs
Terça-feira, 20 de Janeiro de 2009

OBAMA, O PRESIDENTE NEGRO E DA ESPERANÇA

O Capitólio que alberga o congresso americano, construído em 1793 e inaugurado por George Washington é hoje o palco para onde todos os olhares do mundo convergem. Neste majestoso edifício Thomas Jefferson foi o primeiro presidente dos EUA a tomar posse; hoje é eleito o 44º Presidente dos Estados Unidos da América que também neste lugar emblemático vai jurar defender os interesses do país e do seu povo sobre a mesma Bíblia sobre a qual jurou Abraham Lincoln.

Indubitavelmente,  não faltam as expectativas que sempre rodeiam a eleição dum novo Presidente, e este acontecimento histórico permite, de alguma forma, justificar a alegria e o despesismo explícitos num evento desta natureza que marcará, inelutavelmente, a história do país.
Não fora este Obama o primeiro Presidente negro a ser eleito em terras do tio Sam, dois séculos após a Declaração da Independência, quase 50 anos após a marcha cívica pelos direitos humanos, e tudo se manteria como dantes em terras de Abrantes, chamado aqui que é um dos nossos ditados populares.
Obama inspira confiança e transmite a esperança à grande maioria do povo americano assim como a todo o mundo em geral - quero crer que esta esperança de vida contribua irrevogavelmente para a cessação do apoio que os  EUA tem prodigalizado a Israel, colaborando vergonhosamente com o genocídio do povo de Gaza - porque, ainda que Obama vá ter sobre os ombros carga tão desmesurada para um homem só -  não esquecer a crise económica em que o país está mergulhado (devido ao liberalismo económico incentivado por Ronald Reagan e a uma parte da legislação aprovada por Bill Clinton que permitiu ao sector financeiro cometer os excessos que conduziram a esta situação de crise), o seu conselheiro David Axebrold promete, nas próximas 100 horas, tratar da retirada das tropas americanas do Iraque.
Pelo menos será já num futuro muito próximo que nos será permitido ver o Iraque escolher o seu próprio destino, deixando este de estar subjugado ao livre arbítrio dos interesses económicos e belicistas dum tarado chamado Buch.
Pretende Obama “exportar a esperança em vez do medo”; se algum deus há por aí, que não permita que a esperança feneça tão depressa, porque os seus opositores não condescenderão tão facilmente com as mudanças que se aguardam.
 
Bernardete Costa
publicado por Bernardete Costa às 17:19

link do post | comentar | favorito
 O que é? |  O que é?
1 comentário:
De Bete e Dete a 28 de Janeiro de 2009 às 19:13
ADOREI A TUA VISÃO SOBRE A SITUAÇÃO AMERICANA. TORÇO PARA QUE OBAMA DÊ UM JEITO NOS EUA, POIS SE CONSEGUIR ISSO, O MUNDO FICARÁ EQUILIBRADO. COLOQUEI OUTRO E-MAIL PRA VER SE VC CONSEGUE UMA MELHOR COMUNICAÇÃO, TB ESTOU DEIXANDO MENSAGEM NO MSN . VI O E-MAIL DA SALOMÉ. E QQ COISA, VOU TENTAR CONTATO COM ELA. POR CÁ TUDO TRANQUILO.
BJUUUSSSS NOSSOS E SAUDADES

Comentar post